Google+ PIRATAS!!! - Cap. 223 | A Pirâmide de Kukúlkan

O último reduto onde os Asseclas do CONCLAVE encontram-se...

PIRATAS!!! - Cap. 223

― Estou louco por um rum!
― Eu também, não vejo a hora 
de voltarmos a nosso covil!!!
As frases ecoaram de dentro da pedra 
ao ouvido do velho capitão, 
que deu um pulo para trás 
de olhos bem abertos exclamando:
― Que bruxaria é essa???
― Bruxaria nenhuma. Há outra pedra 
como esta na entrada, 
as vozes ecoam por ela até aqui 
e nós também podemos 
falar com eles. Veja!
Ela se aproxima do buraco 
na estalagmite e grita:
― Tratem de vigiar mais 
e pensar menos no rum, 
seus molengas!!!!
Na entrada da caverna dois piratas 
quase morrem de susto! 
Refeito, um deles vai até o canto 
de onde viera à voz e responde:
― Sim, capitã! Estamos com os 
olhos bem abertos!!!
― É bom mesmo ou do contrário, 
ao invés de beberem rum 
eu beberei o sangue de vocês, 
suas lesmas do mar!!!!
Do outro lado alguém engole em seco...
― Eficiente, não?
A pirata sorridente nem parece 
uma maníaca homicida 
e isso é o que mais impressiona 
o velho John!
Sarresian aproxima-se do pirata maldito 
e indaga curioso:
― Onde está aquela sua ave maldita? 
Não a vejo desde que entramos nesta cova!
John Crow dá um sorrisinho 
matreiro e ironiza:
― Não é só essa maluca 
que tem seus espiões...

Enquanto eles confabulam, 
o Craca está quase chegando 
ao Porto dos Cadáveres, 
quando vê em uma pequena clareira 
alguns enormes cogumelos fosforescentes, 
próximos a um córrego. 
Há um dia inteiro sem rum nem comida, 
o timoneiro nem pensou duas vezes, 
colheu alguns fungos 
(bem grandes por sinal) 
e passou a se banquetear com eles.
Craca pode ser um 
excelente condutor de naus, 
mas em se tratando de selecionar 
o que comer ele não tem muito critério. 
E definitivamente 
cogumelos gigantes luminosos 
não são batatas... 
Mas àquela altura, 
exausto, 
faminto 
e seco por um rum, 
qualquer coisa estava valendo!


Aislyin  & John Crow:
uma parceria simplesmente infernal!!!




A mascote de John havia sumido
antes deles entrarem na caverna...
Por que?




Diz o ditado: quando a fome entra pela porta,
a razão sai pela janela...


...só isso poderia explicar a sandice do Craca...


...em comer algo...


...tão suspeito!!!!


Sidinei Lander da Silva Pereira: Mestre de RPG, aprendiz de escritor, leitor voraz, quadrinista fanático, cinéfilo compulsivo, agnóstico independente, livre-pensador, fã incondicional de O Senhor dos Anéis (livro e filme), música para mim é Clássica, Jazz, Blues, Rock'n Roll e Metal! E tenho dois gatos... Quer saber mais sobre mim? Veja meu perfil no Google Plus!

0 comentários:

Postar um comentário

Atreva-se, diga-me o que está pensando!
Se veio até aqui, não recue!
Se és contra, a favor ou muito pelo contrário(?!),
tanto faz...
Afinal, esta é uma tribuna livre.
E uma certeza podes ter como absoluta:

RESPOSTA TU TERÁS!!!!!!